Índice
 Caracterização
História
Postas&Pescada
Gastronomia
Cantinho do leitor
 Notícias

 Subscreva a newsletter 
 Acesso ao alvegamail 
 info@alvega.info  
   
     
   Caracterização
  Cardigos

A situação geográfica da vila de Cardigos, é sem dúvida curiosa, pois fica precisamente no centro do país, entre Vila de Rei e Proença-a-Nova, a trinta e nove graus e sete segundos de latitude norte e a um grau, seis minutos e cinquenta e três segundos de longitude oriental do meridiano de Lisboa.
Cardigos contempla à sua volta as serras do Bando, Amêndoa, Melriça, Alvaiázere, Alvelas, Moradal, Perdigão e S. Mamede e as Vilas de Amêndoa, Vila de Rei, Figueiró dos Vinhos, Cernache do Bonjardim, Nisa, Castelo de Vide e Marvão.
Sendo que, o seu terreno é acidentado, dá origem a numerosos cursos de água de pequena corrente, tributários das ribeiras do Bostelim e da Pracana.
Hoje em dia, Cardigos é conhecido pela sua indústria de velas, artesanto de linho, indústria de presuntos, queijaria, pastelaria e também pela sua linda paisagem.



Em 1525 chamava-se Cardigos ou Bichieira indiferentemente. Havia nesta vila uma família de apelido Cardigos de quem a localidade herdou o nome. Em documentos oficiais aparecem, ainda, vários nomes dados a Cardigos como Brucheira, Bichieira, Buchieira, Abucheria, Vichieyra e, finalmente de Cardigos como aparece já no alvará passado por D. João IV. de 5 de Fevereiro de 1643 .
A fundação de Cardigos está envolta no longínquo passado, mas a avaliar pelos vestígios megalíticos (dolmens, antas) pensa-se ter havido nesta região ocupação muitos séculos antes de Cristo. Situada como a localidade de Amêndoa num ponto de ligação de várias redes de comunicação da Hispania são encontrados vários testemunhos romanos como algumas pontes, templos, aquedutos, etc. Outros vestígios foram ainda localizados tais como inscrições funerárias e todo um espólio da época Romana onde se destacam várias alfaias agrícolas. Seguindo a tradição Romana muitos nomes de localidades derivam de plantas, animais, e minerais (Moreira, Ferreira).
Foi esta civilização que aqui desenvolveu a agricultura e culturas como a oliveira e a vinha às quais se juntam árvores de frutos, cereais, e explorações de minérios como o ouro, ferro, estanho, etc.. Do povo imigrado do norte da Europa, os Visigodos, poucos foram os vestígios deixados sendo certo que em 711 esta região foi ocupada pelos muçulmanos que aqui se fixaram com a sua cultura até ao início da reconquista Cristã levada a cabo por Afonso Henriques com a ajuda das ordens militares religiosas como a dos Hospitalários, e Templários, até finais do séc. XIII. Tal como a freguesia de Amêndoa o primeiro domínio de Cardigos é dado aos cavaleiros templários passando mais tarde para o domínio da Ordem de Malta. Durante o reinado de Filipe II de Espanha, em 1605, Cardigos é elevado a sede de Comarca.
Já no séc. XIX e depois de pertencer ao Concelho de Vila de Rei, Cardigos passa para a área do Concelho de Mação em 1878.

 —  0000-00-00 Topo da página
Todos os artigos de Caracterização
Imprimir artigo
Recomendar artigo

 

 
 
Contactos úteis  
Imagens da região  
Roteiro turístico 
Dossiers da Região 
Curiosidades 
Meteorologia 

O TEMPO
Estado do tempo na região de Alvega
20°
Muito nublado
 

© 2002, 2017 - alvega.info

O projecto alvega.info

Access denied for user 'abrantes'@'%' to database 'alvega'