Índice
 Caracterização
História
Postas&Pescada
Gastronomia
Cantinho do leitor
 Notícias

 Subscreva a newsletter 
 Acesso ao alvegamail 
 info@alvega.info  
   
     
   Postas&Pescada
  Notícias da Nossa Terra

Uma das maiores dificuldades que encontrámos quando decidimos avançar com este site foi o facto de não existir muita informação acerca da terra, e de a pouca que existia, se encontrar dispersa e não tratada.

Manhãs e tardes na Biblioteca Municipal, montes de jornais à nossa frente.

Echo do Tejo, Jornal da Nossa Terra, Jornal Nova Aliança, etc, etc.

Páginas e páginas folheadas, mas sumo para a posteridade, pouco.

Factos históricos, económicos, e da sociedade como um todo, mínimos.

Encontrámos, acima de tudo, crónica social.

Soubemos como as famílias "de" qualquer coisa eram beneméritas, quando e como celebravam os seus casamentos, quando a Sô Dona X foi agraciada com uma gravidez, quando e onde nasceu o herdeiro, quando e onde este iniciou a sua vida escolar, onde ia passar férias, quando saíam do país, quando voltavam, quase quando espirravam ou tossiam e os respectivos votos de melhoras.

Volumes e volumes de papel amarelecido pelo tempo, enaltecendo e servindo uma minoria (à qual não nego nem afirmo o valor) e ignorando uma maioria de Zés, de Silvas, os seus actos heróicos, os seus feitos, a sua vida comum, as suas necessidades, a sua voz.

Uma maioria muda, inexistente, da qual não reza a história.

Um mundo de factos que ficaram por registar, peças de um puzzle que hoje é difícil de reconstruir. Talvez peças não tão douradas como as restantes, mas que eram, vai-se a ver, a maioria decisiva do puzzle, com uma riqueza de tonalidades e detalhes enorme.

Procuro manter-me informada acerca das notícias em geral e da nossa região muito em particular.

Semana após semana, mês após mês, procuro notícias de Alvega nos nossos jornais. Nuns, raramente vejo menção a esta terra; noutros, felizmente, existe uma meia página
especialmente a nós destinada. Olho para a nossa meia página e comparo-a, número após número, com as páginas das outras terras.

E imagino as gerações vindouras na Biblioteca de Alvega ( se me é permitido sonhar) com um bloco de notas e uma caneta (ou um qualquer equipamento informático), prontos a tirar notas, a tirar sumo dos montes amarelecidos de papel.

Espero que eles não encontrem, como aconteceu connosco, apenas as peças douradas.

Espero que facilmente possam construir um puzzle cheio de matizes, com muita gente, com as famílias ilustres, os Zés, os Silvas, com o sangue azul e o vermelho, com aquilo que temos de bom e aquilo por que temos que lutar para que mude e melhore.

NÓS faremos por isso!

Fátima Castanho  —  2003-02-05 Topo da página
Todos os artigos de Postas&Pescada
Imprimir artigo
Recomendar artigo

 

A seccão Postas&Pescada é um espaço aberto á participação de todos e não representa necessariamente a opinião dos autores do alvega.info, sendo a responsabilidade dos textos aqui publicados unicamente dos respectivos autores.

Se quiser participar e partilhar a sua opinião com os leitores do alvega.info, poderá enviar os seus textos para o endereço de e-mail: postas@alvega.info.

Os autores do alvega.info reservam-se o direito de não publicar na íntegra os textos enviados.

 Comentar artigo  

Último comentário
Ver todos os comentários Todos os comentários


muito bem
muito bem fatima. ate que enfim que constato que este site nao e so feito de criticas e mal dizeres. parabens. ainda ha pessoas coerentes.
ze vilas

 
 
Contactos úteis  
Imagens da região  
Roteiro turístico 
Dossiers da Região 
Curiosidades 
Meteorologia 

O TEMPO
Estado do tempo na região de Alvega
20°
Muito nublado
 

© 2002, 2017 - alvega.info

O projecto alvega.info

Access denied for user 'abrantes'@'%' to database 'alvega'