Índice
 Caracterização
História
Postas&Pescada
Gastronomia
Cantinho do leitor
 Notícias

 Subscreva a newsletter 
 Acesso ao alvegamail 
 info@alvega.info  
   
     
   Postas&Pescada
  Uma boa ideia

Ano de eleições autárquicas, ano de obras e promessas em catadupa. É assim a maneira de fazer política da nossa democracia já á três décadas. Não há uma estratégia, uma visão a longo prazo, mas apenas obras avulsas e desgarradas a contar com as próximas eleições. É assim em todo o país e desta vez até nos calhou qualquer coisita a nós, alveguenses.

Não é uma obra que irá estancar a sangria da desertificação de gentes, nem mesmo criar postos de trabalho ou permitir a construção de habitação na freguesia. É apenas a tão falada remodelação da praça da Republica. Parece que esta é de vez. Pão e circo, uma táctica já usada desde os tempos romanos e que continua bem viva para adoçar a boca dos eleitores.

No entanto, a haver verba e a ter de se fazer, que se faça em Alvega, pelo menos esta vez. E, ao olhar o projecto aqui em cima da minha secretária, não posso estar mais de acordo com esta intervenção. Na minha opinião é um projecto que irá devolver a praça aos alveguenses, criando um espaço aberto, livre e agradável onde se poderá retomar algum do convívio de antigamente. Isto por oposição á degradação, ao alcatrão e ao betão do mamarracho a que alguém decidiu chamar coreto.

Mas, como em tudo na vida, há já opiniões contrárias a este projecto. Com base em argumentos de cariz histórico e sentimental, opõem-se á demolição do coreto, justamente a componente mais importante do projecto, quanto a mim. Este marco da “nossa” freguesia é arquitecturalmente uma aberração, sobre-dimensionado, pouco funcional e actualmente degradado. Além disso ocupa a praça de uma forma absurda, não deixando espaço útil para qualquer tipo de evento.

Podemos argumentar que sempre ali se fizeram diversos eventos, mas a verdade é que é sempre o coreto o centro de tudo e não as pessoas em si, criando-se sempre becos e cantos contrários ao convívio salutar entre todos, quanto a mim a principal razão da organização de qualquer evento desta natureza.

Há ainda quem se oponha ao encerramento da rua da fonte de Sto. António ou proponha a transformação do parque infantil em estacionamento. Ou quem considere poucos os 25 lugares destinados aos automóveis. São meras mesquinhices de parte da população de uma terra que nada tem, e que pelos vistos, prefere que a situação assim se mantenha.

O projecto apoia a finalização da sede da banda e a renovação do parque infantil, com acesso directo a partir da praça evitando o perigo do atravessar de uma rua. Globalmente correcto este é um projecto para as pessoas, e são elas o que mais importa.

Aparentemente há também a ideia de criar uma estátua para colocar na praça. Desde já sugiro que não seja colocada no centro da mesma ou caímos no mesmo erro da colocação do coreto. E fica aqui também a sugestão de uma estátua em homenagem a uma personagem que é quase significado de Alvega e do rio Tejo a que a terra está tão ligada: o Tio Vitorino. Este homem, apesar de não ser de Alvega, passou grande parte da sua vida a servir a freguesia e a população.

Tendo fornecido transporte e alimento durante décadas á população da freguesia, o Ti Vitorino teria uma devida homenagem e seria também um monumento a todos aqueles que viveram e morreram no rio que de nós faz parte. Espero desta forma que não se caia na tentação de homenagear figuras de senhores feudais já desaparecidos que exploraram as pessoas e a terra, mas que surgem hoje como grandes benfeitores apenas por terem “doado” uns palmos de terra.

Para finalizar, não surpreende a posição da nossa junta de freguesia. Esta demite-se de qualquer responsabilidade em relação ao projecto e não assume qualquer posição em relação ao mesmo. Isto tudo em comunicado afixado na sede da junta. Eu diria que é típico de um executivo que nada fez a favor da freguesia e que passou ao lado de todos os problemas que afectam as pessoas que aqui vivem ou gostariam de viver. E lembro a não posição em relação ao PDM, ás escolas, etc. Típico e lamentável. Não irão deixar saudades certamente.

majoralvega  —  2005-01-10 Topo da página
Pormenor do projecto de remodelação da praça da republica

Todos os artigos de Postas&Pescada
Imprimir artigo
Recomendar artigo

 

A seccão Postas&Pescada é um espaço aberto á participação de todos e não representa necessariamente a opinião dos autores do alvega.info, sendo a responsabilidade dos textos aqui publicados unicamente dos respectivos autores.

Se quiser participar e partilhar a sua opinião com os leitores do alvega.info, poderá enviar os seus textos para o endereço de e-mail: postas@alvega.info.

Os autores do alvega.info reservam-se o direito de não publicar na íntegra os textos enviados.

 Comentar artigo  

Último comentário
Ver todos os comentários Todos os comentários


Será realmente uma boa ideia?
Parece-me que o vislumbramento sobre um projecto de remodelação da Praça da República nos leva a esquecer continuamente as verdadeiras necessidades da nossa população, não só em Alvega, este fenómeno acontece diariamente no nosso país, é mais fácil deitar para debaixo do tapete as verdadeiras carências de um povo, visto que estas não trazem tanto carisma ou talvez favorecimentos.
Todos somos humanos e como tal é comum e normal ficarmos agradados com as imagens que certos projectos nos porpocionam, mas não devemos esquecer que estamos a gastar neste momento dinheiro do qual vamos contrair empréstimos.
A ideia que o se gerou sobre o endividamento público que nós alveguenses e portugueses temos que este dinheiro caí do céu e que nós não sofremos com os demais erros de investimentos feitos por todo este Portugal, é uma monstruosa mentira!
Será que neste momento de crise não existe carências gritantes da nossa população alveguense a não ser a realização deste projecto de LAZER?
Pode-se ter um exemplo de maus investimentos como este no momento, Abrantes necessitava urgentemente de um parque em S. Lourenço?
O nosso concelho tem a maior taxa de desemprego da região de Santarém, um concelho em que na sua grande maioria o saneamento básico ainda não existe, será o lazer o mais importante?
Ou melhor será que estas pessoas vão ficar agradados e vislumbrados com estes projectos que não melhoram em nada a sua situação?

Anita


anita nunes

 
 
Contactos úteis  
Imagens da região  
Roteiro turístico 
Dossiers da Região 
Curiosidades 
Meteorologia 

O TEMPO
Estado do tempo na região de Alvega
20°
Muito nublado
 

© 2002, 2017 - alvega.info

O projecto alvega.info

Access denied for user 'abrantes'@'%' to database 'alvega'